quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Uma centrífuga de papel inspirada em um brinquedo criado há 5.000 anos atrás é capaz de separar amostras de sangue em minutos

dyeimismachacaz

A centrifugação é um dos passos mais importantes na análise médica. 
É utilizado para separar o plasma de amostras de sangue durante a análise de parasitas em fluidos biológicos. No entanto, as centrífugas de laboratório são caras e necessitam de eletricidade para funcionar. Isso pode apresentar barreiras para os trabalhadores da saúde, particularmente nas áreas rurais dos países em desenvolvimento.

Agora, os pesquisadores da Universidade de Stanford, EUA, desenvolveram uma centrífuga manual de baixo custo, que pode ser feita usando apenas papel e corda. É baseado em um antigo brinquedo whirligig - um disco que gira impulsionado por cordas que passam através de buracos em seu centro.



O dispositivo pesa cerca de 2g, podendo atingir velocidades de 125.000 rotações por minuto. Isto é rápido o suficiente para separar o plasma das amostras de sangue em menos de dois minutos, ou para isolar os parasitas da malária em apenas 15 minutos. As versões plásticas do dispositivo podem ser produzidas a granel usando uma impressora 3D. Testes de campo em Madagascar demonstraram a facilidade com que o dispositivo pode ser usado.

Confira:



Fontes: Nature vídeo/chemistryworld/NPG Press